O fundamento da Existência - Deus existe IV - VC1-E4-P

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

 

 


    O princípio do fundamento da existência pode ser analisada por Descartes, que diz "penso logo existo". Mesmo que todas as realidades captadas pelos sentidos sejam falsas, a lógica do pensar permanece. Ou seja mesmo que exista realmente uma incerteza de Heinsenberg, a existência permanece pela razão sem incerteza. Por que não existe incerteza na lógica. Por exemplo, o fundamento mais básico da lógica é a verdade absoluta, e sua análise nos mostra uma norma absoluta que não é possível alterar.
    Se eu digo existe verdade absoluta, tal é em si absoluta, eu não tenho como mudar. Digamos que eu deseje mudar, e diga não existe verdade absoluta, o que ocorre? O ato de dizer que não existe verdade absoluta fez com que o que eu disse se tornasse verdade absoluta. Logo só existe verdade absoluta.
    E por que podemos dizer que existe verdade relativa? Por que existe a negação da existência. Por exemplo quando digo existir, eu posso dizer não existir. O que se tem aqui? A dualidade das coisas. A pessoa pode dizer que não existe, a questão é que no momento que diga que não existe ela exista.
    Ou seja, a possibilidade de mentalizar a falta da verdade, cria a chamada verdade relativa. Verdade relativa é toda a verdade que não é absoluta. Toda verdade que não é absoluta, possui no seu conjunto um ou mais falsidades, ou negações da verdade.
    Ora, o fundamento da existência não pode estar baseado em crenças, e sim e bases que não possam ser mudadas. Crença é algo que se deseja mas não se consegue provar, assim se aceita como axioma. A verdade absoluta não se fundamenta numa crença mas na lógica. Podemos idealizar sobre ela e construir outras, mas estas podem ser fundamentadas em crenças.
    O grande problema da Verdade Absoluta é que seu fundamento existe na razão e independe de existir meios materiais, a razão é imaterial. Por ser imaterial não é a energia que determina a razão. Fosse assim o sol seria racional. Nem mesmo a matéria pelo mesmo princípio. Ora então de onde vem a razão? Ora a razão vem da informação. E a informação e razão são a mesma coisa. De fato temos a informação e a negação da informação, e a negação da informação é a ideia da não existência.
    Pode parecer estranho. Mas de fato o homem trabalha com isso a todo momento, só não se dá conta disso. Por exemplo uma pessoa vê uma casa em cima da montanha. Se ele diz que a casa esta a direita abaixo da montanha, aquela informação errada. Mas se diz que esta a esquerda da montanha esta também errada, só existe uma verdade, todas as outras são a negação da verdade que é a falta da verdade. Mas então podemos dizer que a casa esta em cima da montanha. Veja que parece que agora estamos dizendo a verdade, mas se atrás do que vemos existe um ponto mais acima, logo a casa não esta em cima da montanha, esta em um local entre o topo e a base da montanha. Mas podemos buscar descrever mais e mais e nunca chegaremos na verdade absoluta da real localização da casa que esteja livre de imprecisões.
    E nesse ponto que as pessoa dizem que existe a verdade relativa. Mas a verdade relativa é apenas a falta da somatória de todas as verdade para se chegar a verdade absoluta. O problema é que uma vez tendo a razão a ponto de se assegurar conhecer a verdade absoluta, se torna a própria verdade absoluta. A pessoa poderia dizer que isso seria uma crença. Ora mas não é uma crença.
    Primeiro temos que existe a verdade absoluta. Isso é crença? Não pois o contrário faria existir novamente verdade absoluta, logo não existe como escapar da verdade absoluta.
    A verdade absoluta é soma de todas as verdades, de forma que não haja negação da verdade, e que cada verdade seja dependente de todas as verdades. E agora será que é crença?
    Como a verdade absoluta existe, não pode existir verdades que não sejam absolutas dentro da verdade absoluta, logo todas as verdades estão ligadas a outras verdades, de forma que cada verdade é a verdade absoluta.
    Logo não é crença, pois a verdade sendo absoluta, só pode ser verdade absoluta, de fato a verdade absoluta não pode ser uma verdade parcial, pois verdade parcial não é absoluta e portanto é negação da verdade.
    Lembra que falamos que se uma pessoa consegue definir a real localização de uma casa ele se torna verdade absoluta. Pois é se ele conseguir pensar em todas as ligações de todas as verdades em todas as possibilidades, ele se torna a verdade absoluta. Isso é crença? Não é meramente lógica.
    Assim se fundamenta a base do Designer inteligente, ou seja o Designer é nada mais nada menos que a verdade absoluta de que todas as verdades provem, e que estão ligadas.
 



 

Reformadores

Pesquisando os verdadeiros caminhos para saúde

A saúde esta ligado diretamente em aceitar as leis da natureza como princípio ideal, anulando as ilusões que são criadas pela sociedade.

©2020 Websolution3d. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper