Análise de Alimentos I

.

Alimentos naturais e industrializados.

 Muito se fala sobre os malefícios de usar alimentos industrializados. Mas muita das vezes não se explica um fundamento para que tais alimentos sejam determinados ruins.
 Vamos usar dois alimentos o grão de soja e o óleo de soja. Qual o problema de usar o grão de soja ou o óleo de soja?
 Poderíamos supor que o óleo de soja seja transgênico e o soja não, mas na maioria do soja que se compra ele também é transgênico. Portanto não é por ser transgênico que podemos analisar que seja prejudicial.
 Olhe para o soja, se você crê no evolucionismo então o soja demorou milhares de anos de evolução para que suas características alimentares se tornassem ecologicamente e nutricionalmente simbióticas com os animais.
 Agora se você crê no criacionismo então Deus teria planejado corretamente os nutrientes do soja para equilibrarem com a digestão dos animais. Seja de qual forma você acredita acaba caindo no mesmo, que o soja tem uma ciência embutida que gera equilíbrio simbiótico com o homem. Mas seria isso real?
 Todos os seres humanos possuem necessidades nutricionais, que devem ser assimiladas para o correto funcionamento do corpo, o alimento passa por diversos organismos para que os nutrientes possam ser absorvidos.
 Segundo a Organização Mundial de Saúde, a quantidade de proteínas é de aproximadamente 12,5 % de lipídios de 22,5 % e de carboidrato 65%
 Segundo a USDA 100 gramas de soja tem 36,49 de proteína. 19,94 de lipídios e 30,6 de carboidratos.
 E quando tem o óleo de soja? Em 100 gramas de óleo de soja temos 0 de proteína 100 de lipídios e 0 de carboidratos.
 Seria fácil entender que o soja esta mais próximo do balanceamento da necessidade alimentar de um indivíduo do que o óleo de soja.
 E esse é o fator do industrializado ele é desbalanceado em relação as necessidades do corpo humano. Veja que estamos analisando um componente claramente desbalanceado que é o óleo, vamos então buscar outro produto industrializado.
 Um salgadinho de milho podemos encontrar em 100 gramas temos 6,17 de proteínas, 33,36 de lipídios e 56,6 de carboidratos.
 No caso seria fácil entender que o óleo é desbalanceado, como também um quilo de açúcar, mas como fazer com o salgadinho de milho?
 Um salgadinho de milho é um produto industrializado composto de diversos produtos principalmente milho. O que ocorre é que tais alimentos são usados de forma constante, e assim se houver um desequilíbrio nas necessidades nutricionais ele será amplificado. Ao analisar o desvio nutricional em macronutrientes para o salgadinho temos.
 O que vemos falta em carboidrato e excesso em proteína e lipídios.
 Agora vamos analisar que uma pessoa coma 80 gramas de banana e 50 gramas de aveia, com 20 gramas de amendoim em pó. Veja o gráfico como se adéqua ao equilíbrio de nutrientes preconizado pela Organização Mundial de Saúde.
 Entre o salgadinho ultra processado e um desjejum com alimentos naturais, vemos que existe uma clara definição de cuidado a saúde em utilizar os alimentos naturais.
  •   youtube.com/buscadaverdade,
       instagram.com/reformadores_da_saude/
  •   1 -234 -456 -7890
  •   1 -234 -456 -7890
  • info@yourdomain.com

Sobre nós

A busca da saúde como ideal.


Leia mais

Flickr Photos